Faltam

Dia(s)

:

Hora(s)

:

Minuto(s)

:

Segundo(s)

O Evento

Realizado anualmente desde 2002, o Congresso Brasileiro do Agronegócio (CBA), organizado pela Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG), em parceria com a B3, já faz parte da agenda dos principais formadores de opinião e dos executivos que atuam no agronegócio brasileiro.

Na última edição presencial, realizada em 2019, o CBA trabalhou com a temática “Agro: Momento Decisivo” e contou com a participação de mais de 800 pessoas, além de 170 jornalistas de todo o país.

Em 2021, apenas no formato on-line, o CBA contou com a significativa marca de 8.170 acessos realizados durante a transmissão, por pessoas do Brasil e de mais de 27 países.

Integrar para Fortalecer

Entramos em 2022 com uma forte divisão na sociedade brasileira – situação vivenciada em países democráticos de uma forma geral -, e em um cenário de inflação, juros altos, campanha eleitoral para cargos majoritários, uma herança de pesada dívida fiscal e complexas relações entre os poderes públicos, a economia sofre.

As reformas essenciais para romper com quatro décadas de paralisia, praticamente sem crescimento, precisam acontecer o mais rapidamente possível.

Desse modo, trabalhar as questões econômicas, fiscais, jurídicas e políticas é essencial para a manutenção do setor que, apesar das circunstâncias seguiu adiante, o agronegócio pujante e capaz de suprir as demandas por alimentos no mundo.

Mas, é preciso também trabalhar as relações internacionais, pois a geopolítica interfere diretamente no agro brasileiro competitivo e na segurança alimentar global.

Nesse novo mundo que emerge pós pandemia e cenário de conflito, o Brasil é o grande convidado a participar nas perspectivas de segurança alimentar e de descarbonização em nível global.

Essa é a relevância competitiva e seu protagonismo no agro é fundamental ao país e às expectativas globais de abastecimento.

A sociedade brasileira vai se posicionando claramente sobre o tema e as empresas produtoras abraçando esse novo momento da história.

Geopolítica, Segurança Alimentar e Interesses

Como envolve as relações entre as nações, a geopolítica tem grande peso sobre o presente momento. Hoje, dois grandes eventos – a pandemia e o conflito no leste europeu com a invasão da Rússia na Ucrânia – são impactantes e estão em curso, sem previsão clara de cenário.

Nesse contexto, mercados importantes se desorganizam e preços de produtos dão saltos com pressão inflacionária geral nos países. Essa instabilidade dificulta que os governos tomem decisões com interesses convergentes. Assim, apinhado de conflitos, condições climáticas extremas e crises econômicas, cresce a insegurança alimentar no mundo, aponta os relatórios da Organização das Nações Unidas (ONU). 

Certamente, em tempos de conflitos, o futuro é ainda mais incerto do que o habitual, e que novos eventos climáticos e geopolíticos vão permear as próximas décadas, mas o caminho do Brasil, assim como, sua mensagem ao mundo deve ser claro: o país é capaz de apoiar à segurança alimentar e energética, marcando seu DNA verde na nova estrutura global.
Na matriz energética nacional, a produção e o consumo das fontes de energia limpa protegem o meio ambiente e melhoram a qualidade de vida. A Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio) usou referências regulatórias dos Estados Unidos e da União Europeia. Esse instrumento apoia a indústria de biocombustíveis até em países emergentes e ajuda o Brasil atingir as suas metas do Acordo de Paris (COP 15).

Agronegócio: Meio Ambiente e Mercados

Nas últimas quatro décadas, o Brasil introduziu de forma exitosa práticas agrícolas sustentáveis, como o sistema de plantio direto, a integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) e a fixação biológica de nitrogênio, entre outras. A expansão desse modelo de agricultura tropicalizada pendem ainda mais com a implementação do Código Florestal e o Plano de Agricultura de Baixo Carbono (ABC).

O Brasil precisa ser ainda mais competitivo e, sobretudo, sustentável, pois os mercados globais têm acompanhado constantemente as políticas públicas relacionadas à proteção do meio ambiente e, no nosso caso, da Amazônia. Há ainda a tendência de os países subsidiarem, protegerem e terem medidas de precaução para a importação de alimentos e produtos agropecuários, mesmo com o espectro da fome.

Assim, competitividade significa ser produtivo em todas as frentes, na lógica da Produtividade Total dos Fatores (PTF), e ser sustentável na forma de produzir e de efetivar suas leis ambientais, reduzindo as emissões de carbono.

Ou seja, incluir a sustentabilidade na avaliação da competitividade representa a grande mudança global da valorização econômica, social e ambiental, com regras legais e morais.

Agronegócio: perspectivas 2023/2026

Passados 40 anos de experiências intervencionistas, com décadas perdidas e crescimento pífio, nos últimos anos, uma tentativa de governo esbarrou em diversas crises – econômica, sanitária, política e global, trazendo para as eleições de 2022 os riscos de velhas armadilhas.

Mesmo em fase de populismos e protecionismos dos países mais importantes no mundo, o Brasil pode estabelecer essa agenda prioritária, a fim de recuperar a confiança interna e externa no país.

É urgente o retorno de um dinamismo na economia, que trará novas oportunidades às empresas e aos brasileiros, permitindo, desse modo, a recolocação do país no futuro e novo momento global.

Neste século, o Brasil consolidou posição de destaque como exportador de alimentos no cenário mundial.

Sustentar e crescer esse protagonismo exigirá muita atenção do próximo governo para atrair capitais. Nas relações do país com o mundo, enquanto a produção sustentável fortalece a boa imagem agroambiental, as negociações comerciais flexíveis ajudam superar problemas ligados às políticas e tipos de governo.

Programação

8h00

Credenciamento – Welcome Coffee

9h00

Cerimônia de Abertura*

Luis Carlos Corrêa Carvalho, Presidente da Associação Brasileira do Agronegócio – ABAG
Gilson Finkelsztain, CEO da B3
Francisco Matturro, Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
Joaquim Leite, Ministro do Meio Ambiente
Marcos Montes, Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

* Autoridades convidadas, presença a confirmar.

09h45

Painel 1

GEOPOLÍTICA, SEGURANÇA ALIMENTAR E INTERESSES

Debatedores:

Alexandre Parola, Embaixador, representante permanente Missão do Brasil junto à OMC (a confirmar)
Gedeão Pereira, Vice-presidente de Relações Internacionais da CNA
Jacyr Costa, Presidente do Conselho Superior do Agronegócio – COSAG

Moderador:

William Waack, Jornalista

11h00

Coffee Break

11h30

Painel 2

AGRONEGÓCIO: MEIO AMBIENTE E MERCADOS

Debatedores:

Fabiana Perobelli, Superintendente de Relacionamento com Clientes da B3
Gonçalo Pereira, Professor Titular e Coordenador do Laboratório de Genômica e Bioenergia da UNICAMP
José Carlos da Fonseca Júnior, Embaixador, Cofacilitador da Coalizão Brasil – Clima, Florestas e Agricultura
Liège Correia, Diretora de Sustentabilidade da Friboi/JBS e Vice-presidente da Abag

Moderador:

André Guimarães, Diretor Executivo do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia – IPAM

12h45

Almoço

14h00

Painel 3

AGRONEGÓCIO: TECNOLOGIA E INTEGRAÇÃO

Debatedores:

Ana Helena de Andrade, Presidente da ConectarAGRO
Luis Pogetti, Presidente do Conselho de Administração do Centro de Tecnologia Canavieira – CTC
Renato Rodrigues, Presidente do Conselho da Rede ILPF

Moderador:

Celso Moretti, Presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA

15h45

Homenagem ABAG 2022

Prêmio Ney Bittencourt de Araújo – Personalidade do Agronegócio
Homenageado: Arnaldo Jardim, Deputado Federal
Apresentação: Nilson Leitão, Presidente do Conselho de Administração do IPA

Prêmio Norman Borlaug – Sustentabilidade
Homenageada: Mariangela Hungria da Cunha, Pesquisadora da Embrapa Soja
Apresentação: Márcio Lopes de Freitas, Presidente do Sistema OCB

15h45

Coffee Break

16h45

Painel 4

AGRONEGÓCIO: PERSPECTIVAS 2023/2026

Debatedores:

Alysson Paolinelli, Ex-Ministro da Agricultura
Francisco Turra, Ex-Ministro da Agricultura
Michel Temer, Ex-Presidente da República
Roberto Rodrigues, Ex-Ministro da Agricultura

Moderador:

William Waack, Jornalista

17h45

Encerramento

18h00

Término do Evento

Programação sujeita a alteração

Palestrantes

Alysson Paolinelli

Alysson Paolinelli

Ex-Ministro da Agricultura

Ana Helena de Andrade

Ana Helena de Andrade

Presidente da Associação ConectarAGRO

Andre Guimaraes

Andre Guimaraes

Diretor Executivo do IPAM-Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazonia

Arnaldo Jardim

Arnaldo Jardim

Deputado Federal

Celso Moretti

Celso Moretti

Presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA

Fabiana Perobelli

Fabiana Perobelli

Superintendente de Relacionamento com Clientes da B3

Francisco Matturro

Francisco Matturro

Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo

Francisco Turra

Francisco Turra

Ex-Ministro da Agricultura

Gedeão Pereira

Gedeão Pereira

Vice-presidente de Relações Internacionais da CNA

Gilson Finkelsztain

Gilson Finkelsztain

CEO da B3

Gonçalo Pereira

Gonçalo Pereira

Professor Titular e Coordenador do Laboratório de Genômica e Bioenergia da UNICAMP

Jacyr Costa

Jacyr Costa

Presidente do Conselho Superior do Agronegócio – COSAG

José Carlos da Fonseca Jr

José Carlos da Fonseca Jr

Embaixador, Cofacilitador da Coalizão Brasil – Clima, Florestas e Agricultura

Liege Correia

Liege Correia

Diretora de Sustentabilidade da Friboi/JBS e Vice-presidente da Abag

Luis Roberto Pogetti

Luis Roberto Pogetti

Presidente do Conselho de Administração do Centro de Tecnologia Canavieira – CTC

Luiz Carlos Correa Carvalho

Luiz Carlos Correa Carvalho

Presidente da Associação Brasileira do Agronegócio – ABAG

Marcio Lopes de Freitas

Marcio Lopes de Freitas

Presidente do Sistema OCB

Mariângela Cunha

Mariângela Cunha

Pesquisadora da Embrapa Soja

Nilson Leitão

Nilson Leitão

Presidente do Conselho de Administração do IPA

William Waack

William Waack

Jornalista

Imprensa

Informações para Imprensa contatar:

Mecânica de Comunicação
Sylvia Mie
sylvia@meccanica.com.br
Tel (55 11) 3259-6688
Cel (55 11) 99285-1604

Inscrição para participar presencialmente

Instruções para inscrição e pagamento ou com código promocional

Taxa de Inscrição

Valor único de R$ 880,00 (oitocentos e oitenta reais).

Caso tenha um código de desconto ou cortesia fornecido por patrocinador, após fazer o login para o credenciamento, informe no campo Código Promocional o número do seu código.

A inscrição dá direito a participação em todos os painéis do evento, bolsa com o material do Congresso, welcome coffee, coffee-breaks e almoço.

Registro

Para se inscrever, você deve preencher o formulário de cadastro com as suas informações pessoais.

Ao registrar-se, você deve fornecer um cpf para acessar a sua área de inscrição. Certifique-se de que o seu endereço de e-mail fornecido no formulário está correto, pois ele será utilizado para todas as nossas comunicações.

O pagamento da taxa de inscrição poderá ser feito com Cartão de Crédito ou Boleto Bancário.

A inscrição somente será concluída após a confirmação do pagamento. O recibo referente a taxa de inscrição (Associação sem fins lucrativos), poderá ser emitido, após o pagamento, diretamente na página de inscrição com seu login e senha.

Data limite para inscrição: 28 de julho de 2022 (quinta-feira). Após essa data, somente no dia e local do evento, caso haja vaga disponível.

Política de Cancelamento/Reembolso de pagamento

O reembolso será efetuado somente mediante uma solicitação por escrito. Encaminhar a solicitação para a Organizadora do Evento – cba@wenter.com.br

– Até 01/07/2022: reembolso de 90% do valor pago. Prazo para restituição: até 30 dias após o congresso

– A partir de 02/07/2022: nenhum reembolso estará disponível. Poderá ser solicitada a transferência de inscrição para outro participante.

Vagas Limitadas

Inscrição para assistir a transmissão online

A inscrição para assistir o CBA 2022 online é gratuita.

O evento será transmitido pelo www.congressoabag.com.br e pelo canal da ABAG no YouTube.

Faça sua inscrição para receber informações sobre o evento, dos patrocinadores e os Anais do Congresso Brasileiro do Agronegócio 2022.

Clique no link abaixo, escolha a opção “assistir online” e siga com o credenciamento.

Patrocinar

Participar do CBA como patrocinador é uma grande oportunidade de se relacionar com profissionais, especialistas e autoridades do agronegócio. Um espaço importante para a divulgação da sua empresa no maior evento do Agronegócio Nacional.

Informações sobre Patrocínios:

Silvia Mello
Tel (55 11) 3854-8060
Cel (55 11) 99500-2999
cba@wenter.com.br

Patrocinadores

Patrocínio Diamante

Bayer
BB Seguros
JBS

Patrocínio Ouro

Clique e visite o site
Clique e visite o site
Bradesco
New Holland
Case
Sistema OCB
CNA
Clique e visite o site

Patrocínio Prata

Aurora
Clique e visite o site
Cargill
Cooxupé
FAESP
Clique e visite o site
Clique e visite o site
Clique e visite o site

Data e Horário

01/08/2022
das 9 às 18:00 hs

ORGANIZAÇÃO